sexta-feira, 10 de abril de 2009

VINTE HORAS SEGUIDAS…

Tirando as quatro que tive de estar com pessoas nesta época de confraternização, tive o resto do dia para mim.
Penso que distrubuo durante todo o ano, o bem em prol de outras pessoas, ajundando no que posso.
Só, decidi dar um passeio, o qual me relaxou bastante, foi muito agradável.
No que respeita aos meus pensamentos sobre o projecto, foram finalmente alinhavados na minha mente, tenho certeza que serei feliz com a minha decisão.

“A POESIA”
Para escrever uma poesia basta estar vivo
com a alma acessa de esperança
Estar com o coração sorrindo tal qual uma criança
faceira e sorridente
E se uma lágrima
brotar na fase carente
de amor, de vida, de gente
Clama-se por amor
Quem nunca chorou por amor?
Quem nunca sofreu por amar?
É o sentido da vida, o amor se sente no corpo
e na alma ferida, mas quando não se ama, a alma
não se entrega a jactância do amor
O amor está no gozo e no sorriso
no fogo brando da paixão, no paraíso
não existe vida sem amor, assim como não
existe poesia sem inspiração
e se uma lágrima virar uma estrela
então que se chore uma constelação
vale mais a pena chorar por amor
do que viver na solidão
Não há poeta que tenha vivi
dosem questionar esta questão
é o que nos torna vivoso que nos dá emoção
Somos trovadores
Pássaros de esperança rasgando os céus da paixão
é o que diria Quintana Machado e Drummond
.
O amor para os poetas
é como um oceano infinito
que transborda no coração dos amantes
é um jardim de rosas vermelhas
um céu coberto de diamantes
A poesia para os poetas é o sopro da vida
a luz da retina, é o corpo ardente de uma mulher
o sorriso de uma menina
Somos anjos, profetas, demônios
realizamos, prevemos, tentamos
somos cantores de amores
plantadores de flores
semeamos desejos, fantasias e cores
Sim, a poesia é colorida
mesmo sendo triste
a cor persiste
talvez seja a cor do amor
quem sabe?
Para o poeta nada é impossível
quando sua poesia expressa a verdade
é a paixão proibida, a dor da amargur
ao vôo sem asas, a liberdade
é o sonhar sem dormir
o cessar da saudade
é o amor visto em um caleidoscópio de extrema beleza
é o que diria Queiroz, Neruda e Bandeira
.
Para aqueles que gostam da realidade a poesia é crua
para os que gostam da fantasia a poesia é nua
é o transbordar de palavras e misturas
A poesia é um sol radiante, dourado, bonito
é a conjugação do amor no verbo do infinito
é o som do silêncio, o brado do grito
é a vertigem dos vertiginosos
o abraço dos braços
o beijo dos lábios o namoro dos enamorados
Para escrever uma poesia, basta ter certeza
de que o amor abrange as margens da alma
dando luz a clareza, calmaria a calma
é um jogo que se joga com o coração
impregnado de paixão
é a lança das ondas em um mar revolto
a luz do crepúsculo
a chama do fogo
o sentido da emoção
A poesia é o amor transcodificado em palavras
o berço dos carenteso presente do ausente
a inspiração da vida seguindo sempre
é o que diria Castro Alves, Balzac e Shakespeare
(Autor: Desconhecido)
Fiquem bem e que a felicidade esteja com vocês.

3 comentários:

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDO AMIGO, VEJO QUE ESTÁ TUDO BEM CONTIGO... TAMBÉM EU ESTOU FELIZ... DESEJO-TE UMA NOITE DE SONHOS MARAVILHOSOS... ABRAÇOS DE AMIZADE,
FERNANDINHA

Pelos caminhos da vida. disse...

Fico feliz por saber que vc estas bem com vc mesmo.
Tb estou bem.

Ótimo sábado pra vc amigo.

Um gde abraço.

beijooo.

Paula disse...

Hummm, também andas a tomar decisões.. Pois eu tive de as tomar..
Espero que o que tenhas decidido seja para a tua felicidade.
Um grande beijo e uma boa Páscoa
Paula