sexta-feira, 3 de abril de 2009

SÉRA QUE EXISTE UMA “SINA”

Não sou muito crente em sinas no percurso de uma vida, sempre pensei que esse percurso é feito com as nossas decisões e reacções no presente, estas para mim sim, projectam-se delineando o nosso futuro.
Muitas vezes a palavra “Sina” é associada mais á uma desgraça de momento de alguém, embora também se possa ouvir em determinadas ocasiões, por algo de bom que tenha acontecido a outro alguém.
A Sina é acompanhada com determinadas cores a mais usual, bem que se diga é a negra ou preta, por esse motivo se descreve mais como uma maldição.
Para mim o futuro será sempre incerto, agora o presente é feito á medida de cada um, está tudo interligado aos nossos passos dados no dia a dia.
O mesmo digo da sorte, esta procura-se, trabalha-se para que algo aconteça de bom ou de mau, quando algo de bom ou mau vem ao nosso encontro sem contar-mos, a iniciativa foi de alguém ou de algum acontecimento, a escolha de oportunidade de percurso é sempre nossa escolha.
Poder-se-á dizer muito por ai, que a sina dita a sorte de cada um, mas penso que tudo tem haver com uma realidade de progressão do percurso de cada um.
Não desminto que a Vida possa estar interligado a algo de Divino, Cósmico, Astral, Interior ou Exterior de cada um.
Até que eu sou católico.
Como tenho andado cansado fui jantar fora.
Depois chegado a casa, um pouco de leitura.
UM AMIGO É COISA RARA
Um amigo é coisa rara
Às vezes é divertido
Um amigo é coisa cara
É um tesouro escondido.


Amigo é fiel, é companheiro
Nem sei como distinguí-lo
Quando gosta, é verdadeiro
Aos outros, vou preferi-lo.

Dos filhos! Eu sou amiga
Mesmo não tendo vintém
Dos que me restam na vida
Amigos? Ainda vou contá-los bem.

Amigos do coração,
Têm sempre um ar de artista
É compincha, é um irmão
Diante da nossa vista.

Amigo não está somente
Por interesse, ao nosso lado
Basta ter um, entre a gente
Um que não seja falsário.

Há duas coisas na vida
Duas coisas, bem distintas
Amigos e amizades,
Não podem ser troca-tintas.

Gosta do nosso bem querer
Até nisso tem vaidade,
Se nos souber entender
É um amigo de verdade.

Nunca nos arranjam atritos
A socorrer, são os primeiros
E se nos vêm aflitos!
São amigos verdadeiros..
(Autora: Maria de Lurdes Oliveira)
E hoje já chega, desejos de um bom fim-de-semana, Paz, Alegria e muito, muito Amor.

3 comentários:

FERNANDA & POEMAS disse...

OLÁ QUERIDO LUÍS, GOSTEI DO TEU TEXTO... É UM TEMA MUITO VASTO AMIGO... BEIJINHOS DE BOA NOITE COM CARINHO,
FERNANDINHA

Paula disse...

Boa noite,
Eu acho que a vida e a tal sina é feita por nós..
Beijo

Pelos caminhos da vida. disse...

O dia de hoje é um simples sonho, o de amanhã uma vaga ilusão.
Mas todo dia se bem vivido, faz de cada dia de ontem um sonho de felicidade e de cada dia de amanhã uma visão de esperança.

Bom dia amigo.

beijooo.