quinta-feira, 14 de maio de 2009

Jamais dizer Adeus
Não posso fugir do que sinto
Meu coração se abala
Pois sei que não minto
Dispara feito bala

Imaginar-te longe de mim
Não ter tua imagem presente
Sentir tua pele de cetim
Ouvir teu som docemente

Minha alma treme de medo
Meu corpo fica estranho
Imaginando tua ausência
Seria morrer vivo estando

Eu não quero perder teu coração
Jamais dizer adeus
Ficar sem teus beijos
Sem os momentos de emoção.

Jamais deixar que partas
Meu objectivo principal
Amar-te é fundamental
Preencher teu coração, tua alma.

Sei que ficaras aqui
Sempre até a eternidade
Jamais dizer adeus
Basta amar-mos de verdade!
(Desconheço)
Lamento a falta de tempo que neste momento tenho para vos visitar, algo que num rápido futuro espero vir a compensar, Fiquem felizes são os meus desejos.

5 comentários:

Val disse...

Boa Luis ,que poema lindo.Querido Luis,é acreditando que levamos a nossa vida enfrente.Enfim,é com esperança e amor,que se consegue combatare a saudade ou uma desilução.Jamais podemos deixar de crer no amanhã.
Beijos com carinho

FERNANDA & POEMAS disse...

OLÁ QUERIDO LUÍS... AFOREI O POEMA... SUBLIMES PALAVRAS... FICA BEM, FICA COM DEUS!!!
ÃBRAÇOS DE AMIZADE E CARINHO,
FERNANDINHA

Paula disse...

Pois é... Muito ocupado e sem tempo...
Uma beijoca,
Paula

Pelos caminhos da vida. disse...

Somos "passageiros" de um lindo raio de luz
que nos conduzem a eternidade.
Conseguir perceber, sentir e tocar
este raio de luz dourado
é como manter uma comunicação
permanente com os nossos anjos.
Os anjos são nossos protetores e
nossos guias verdadeiros,
que nos conduzem de uma forma iluminada
ao entendimento,
a compreensão e ao amor.
E nos incentivam principalmente a construção
de uma vida em plena harmonia com o universo.
Portanto, olhe para o céu hoje, deixe que seu coração seja banhado por este "oceano de luz"
que irá transformar sua vida.
Deixe que ele ilumine sua vida com os raios da "FELICIDADE"!!!

beijooo.

Mena disse...

Ola boa tarde... adorei o poema... lindas palavras.
Beijinho
Mena
Existem muitas pessoas ao nosso redor, roçando a pele na
nossa pele, falando diretamente ao nosso ouvido, as sentimos,
as ouvimos, percebemos sua presença, mas às vezes nos
sentimos sós, pois não nos fazem companhia, e não confortam
a nossa alma.
Mas existem outras pessoas que mesmo estando muito longe,
algumas vezes nem sabemos aonde, nos fazem sempre companhia,
povoam nossa lembrança com a sua presença, pois nosso
espírito as procura sempre e, as encontra com a força do
pensamento.
Essas são capazes de confortar nossa alma apenas com a
lembrança de um sorriso ou do calor de um abraço...
desconheço autoria